quinta-feira, maio 21, 2009

MEU NOME É MULHER

Meu nome é MULHER!


 Eu era a
 Eva

 Criada para a
 felicidade de Adão
 Mais tarde fui Maria
 Dando à luz aquele
 Que traria a salvação
 Mas isso não bastaria
 Para eu encontrar perdão.
 Passei a ser Amélia
 A mulher de verdade
 Para a sociedade
 Não tinha a menor vaidade
 Mas sonhava com a igualdade.
 Muito tempo depois decidi:
 Não dá mais!
 Quero minha dignidade
 Tenho meus ideais!
 Hoje não sou só esposa ou filha
 Sou pai, mãe, arrimo de família
 Sou caminhoneira, taxista,
 Piloto de avião, policial feminina,
 Operária em construção...
 Ao mundo peço licença
 Para atuar onde quiser
 Meu sobrenome é COMPETÊNCIA
 E meu nome é MULHER..!!!!
Photobucket

8 comentários:

Anna disse...

Obrigada pelo seu apoio e suas palavras.
São pessoas como você , que vale a pena continuar, pois nos dão força.
Foi muito legal ver as pessoas me dando apoio.

Wlady disse...

Oi Dolly!
boa semana pra vc!

dollystar disse...

Wlady querida, obrigada pela visita...linda e produtiva semana a vc também!
bjs

Ví por aí... disse...

Olá Dolly...
Ando sentindo sua falta lá em casa para nossa prosa báaaaasica...
rs
Bjkas
da Jô

Ví por aí... disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Sabe que havia pensado nisso ontem???
-Será que as pessoas estão conseguindo ler????
Aí vem a sua dica...
Brigadão!!!
Teu desejo é uma ordem!!!
Pedido atendido!!!
Bjkas

Barbara Bastos disse...

Oi...
Descobri o seu blog em um outro blog que sigo.
E confesso que A-D-O-R-E-I...
Seus texto são muito legais.
Também tenho um cantinho em que espalho minhas ideias, minha bagunça...desde já te convido a conhecer.

Mil beijos
Barbara

dollystar disse...

Pois é senhorita Bárbara, fiquei estarrecida com a tua desenvoltura, teu trabalho de pesquisa, pelo banho cultural que apresentas em teu blog.
Parabéns menina; a postagem ESCRAVA BRANCA ME IMPRESSIONOU e confesso que quase nunca me atenho às letras, à essência das músicas e tua explanação sem dúvidas me fará mudar de rota.
Tô quase apostando que o caminho das pedras que seguistes para chegar até aqui chama-se AINDAMININAMÁ. outra adorada escritora, a quem aprendi amar e me deleitar em versos e prosas que nos induzem á reflexão!
beijocas

Sandra Guadagnin disse...

Viva nós!! Orgulho de ser de tudo um pouco.
Abraço e agradeço a visita.
Sandra